No início eram apenas Pensamentos, poesias pra alma mas depois eu fui me soltando e este aqui virou um espaço pra falar de desejos, música, dicas, sexo, sanagem e amor, muito AMOR!

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Why does my heart feel so bad ?


Não aprendi a empinar pipas, mas a empilhar frases. E tive que me familiarizar com desmoronamentos. Por isso, procuro palavras regeneradas que façam algum traço de cor no céu. Eu não aprendi a desenhar fatos novos, mas a restaurar letras encontradas em entulhos e paisagens adoecidas pelo tempo. Às vezes, entre os destroços, eu descubro paradoxos como um mar de águas-vivas mortas. Às vezes, entre os escombros, eu recupero uma alegria virando pelo avesso a tristeza empoeirada. Um dia, eu reconstruí um poema apenas com os detritos de uma flor. E ressuscitei uma metáfora que estava dentro de uma frase irrecuperável...

Minha poesia nada mais é do que a tentativa de resgatar
essas emoções soterradas.
*
*
*
Marla de Queiroz


Ontem foi aniversário da minha mãe e por isso revivo os destroços e escombros vividos em consequência desta relação...

As lindas palavras da Marla mais uma vez cairam como uma luva pro meu coração que doi...

Um comentário:

Ana Castilhos disse...

Katitinha do meu coração... que saudade de vc!!!! Meu coração está pertinho do seu, nunca esqueça disso tá!
loviu!
bjssss
ps: CADE A FOTO DA TATOOO?? rss